sábado, 5 de outubro de 2013

- Considerações de uma artesã.....( Runner de Natal)

Não sei se o mesmo acontece convosco,
mas comigo, por mais que eu queria mudar, não consigo...
Estou sempre afundada em uma montanha de lavores iniciados.
 Hoje decidi que iria terminar um,
mas pelo andar da carruagem ainda não será hoje,
ainda que já tenha dado um bom avanço.

A psicologia explica tanta coisa, deve explicar este tipo de atitude.
Alguém se habilita???
O que leva uma pessoa a iniciar tudo,
num corre corre sem nenhuma justificativa
( pelo menos penso eu - talvez haja sim).
que possa explicar tal atitude????

Sempre fui assim....parece que corro e estou sempre atrasada com
os meus lavores...

Pois bem, isto tudo é real e me preocupa muitas vezes....
Hoje tirei o dia para terminar um naperon, runner, chemim de table,
ou o que você quiser chamar, para o Natal...

Por hoje somente esta amostra....

E já agora:

acho que estou voltando com força ao Blog...
Já não era sem tempo....

Bom final de semana para todas...




como ainda estou a trabalhar nesse runner,
ainda há alinhavos e fios por cortar...
Quando terminar mostro ele completo....
aguardem......

15 comentários:

  1. Te entendo muito bem ,pois comigo acontece o mesmo!
    Volte com força ,estou aguardando!

    ResponderEliminar
  2. Oi filomena..vc não é a unica que começa varios trabalhos e deixa na espera de acabamentos. Eu ja tive isso, as vezes estava fazendo uma peça e iniciava outra e outra..resolvi da seguinte forma quando tenho uma ideia desenho no papel e coloco proximo trabalho. Acho q inconcientemente a euforia da nova ideia acaba tornando menos interessante o q estamos fazendo. Ainda mais se o trabalho exige muito tempo com os mesmos tecidos. Comigo deu certo!! tenta quem sabe tambem dah certo com vc..Quando a peça estiver pronta eu venho ver tá? Mas ja dah para ver q esta ficando lindo..bjo otimo findi

    ResponderEliminar
  3. Não se preocupe, você não é a única! hehehe Também sou assim e acho que herdei isso de família. Quando consigo terminar um a cada semana, já comemoro em pequena festa!
    O seu trabalho vai ficar lindo!
    beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  4. cara Filomene non preoccuparti se inizi e non finisci fai ciò che ti piace il resto lo finirai poi
    silvana

    ResponderEliminar
  5. Pela amostra, vai ficar bonito.
    Eu também sou um pouco assim - tenho várias coisas para terminar e tantas, tantas na cabeça que quero fazer que vou começando umas deixando outras para trás... A sugestão da Claudia é bem capaz de resultar. Acho que vou tentar. Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  6. Filomena è bellissimoooooo ma che brava che sei sai fare tutto ... un bacione ...giusi_g

    ResponderEliminar
  7. Votos de bom domingo e muitos e bons acabamentos nos trabalhos iniciados.

    ResponderEliminar
  8. Querida amiga,
    saudades de vir aqui...fico feliz em saber que estas de volta !!!
    Será que existe alguma artesã que não é assim ... inquieta ???
    Penso ser muito frequente entre nós artesãs... esta ânsia de querer realizar vários projetos e nem sempre termina-los.
    Creio ser três, os fatores que incidem neste processo...Empolgação, Ansiedade, e Força de vontade.
    Sempre me empolgo guando vejo um belo trabalho... e me sinto desafiada em realiza-lo.
    Em decorrência disto, me sinto ansiosa em querer terminá-lo o mais rápido possível. E... muitas vezes, acabo esbarrando na terrível falta de vontade, para concluir tal projeto... que ainda ontem...me parecia tão atraente.
    É uma eterna briga interior !!! Sinto que piorou muito depois que entrei na menopausa...hormônios... rsrsr... melhor por a culpa neles !!!
    Eu também adoraria ter a cura pra este mal...
    Fazer o que !!! O jeito é continuar fazendo o que mais gostamos...nossas artes !!!
    E pelo que vejo... seu naperon ficará encantador !!!
    Espero que tenhas um ótimo domingo...que Deus a abençoe !!!
    Sua amiga de longe !!!


    Sonia Faria

    ResponderEliminar
  9. Ai, Filomena, este post poderia ter sido escrito por mim...
    Vou tentar a idéia da Cláudia, que sabe resulta.
    Estou curiosa para ver o chemin depois de pronto.
    Beijinhos e bom fim de semana,
    Guida

    ResponderEliminar
  10. Comigo acontece exactamente o mesmo e ai que o Natal está a chegar. Tenho de me despachar. Bom Domingo!

    ResponderEliminar
  11. Também gostaria de saber o que nos faz começar e deixar de lado. Quem nunca começou e não terminou que atire a primeira pedra! Tento, com muito afinco, não fazer mais isso e acho que estou conseguindo. Mesmo a custo de terminar projetos que não são exatamente o que eu imaginava. Talvez seja por isso que sempre volto a projetos que já fiz e que deram muito certo. Mas, amiga, vou confessar, o que tenho de trabalhinhos começados dentro de sacolas escondidas lá no fundo do armário... melhor nem pensar!
    Quero ver esse trabalho de Natal terminado porque você aguçou nossa curiosidade!


    Beijos,

    Eneida

    ResponderEliminar
  12. Querida Filomena,

    A Psicologia tem várias hipóteses para a procrastinação, mas elas não se sustentam porque o ato de protelar coisas aparentemente prazerosas envolve muito a subjetividade de cada pessoa. É mesmo intrínseca ao ser humano. E se o que fazemos é reflexo também do nosso estado emocional, demoraria muito para chegar a uma conclusão que se aproximasse do que sentes. Teríamos de conversar mais...risos.

    A "obrigatoriedade" de produzir pode estar bloqueando a sua criatividade, pois sabemos que a inspiração é livre e chega quando menos esperamos. Lembra daquilo que escrevi sobre a inspiração ser uma borboleta voando nos jardins? Inquieta, ligeira e livre para ir e vir... pois é! Às vezes ficamos cansadas por nossas ansiedades e esse "bloqueio" de ideias torna-se uma espécie de protesto íntimo mesmo.

    Tente não angustiar-se tanto por não estar fazendo tudo que gostaria, de uma vez só. A arte requer tempo para acontecer; especialmente aquela que nasce do mais íntimo de nossa alma. És muitíssimo talentosa e certamente sua inspiração logo retorna. Que tal dedicar-se a um projeto de cada vez? Compreendo que nem sempre é possível, mas quando vemos UM resultado dos nossos esforços pronto, ficamos mais leves e a sobrecarga diminui.

    Uma vez uma colega de faculdade estava muito angustiada porque tinha muitos trabalhos acumulados e não conseguia fazer. Dei a ela um conselho bastante simples: “durma” (isso mesmo...risos) e ela seguiu. Era cansaço. Ela, uma policial Militar, estava com uma sobrecarga de atividades muito grande. Parece mágica, mas com o corpo descansado, conseguiu cumprir as metas e até hoje ela continua fazendo a mesma coisa (descansa o corpo e a alma), sempre que se sente pressionada pelas urgências da vida.

    Vivemos em uma sociedade imediatista que exige de nós uma postura dinâmica. Mas somos humanas e precisamos respeitar nossas limitações e o tempo de espera para produzir nossa arte. Deixe uns trabalhos esperando e mantenha o foco no que fizer teu coração pulsar mais...isso mesmo: se “enamore” por um e deixe os demais aguardando o tempo certo (que nem sempre é o nosso)...

    E compartilho de sentimentos semelhantes, viu? (Risos) Às vezes gostaria que o tempo não andasse na contramão dos meus desejos. Também me angustio quando não consigo cumprir TODAS as metas do dia, mas depois lembro que a qualidade é mais valiosa que a quantidade e que sou limitada... todos nós somos.

    E ela (a inspiração), deve estar borboleteando por aí... logo retorna ao jardim florido da sua arte.

    Seus trabalhos são maravilhosos! Tenho certeza de que ainda verei muitos por aqui.

    Fique tranquila, querida da minh’alma! Você consegue e faz tudo ser LINDO! Sua arte alcança alma e aquece o meu coração.

    Abraço carinhoso,

    Gorete

    ResponderEliminar
  13. Ca arrive a moi aussi il nous manque du temps ,le patch est magnifique bravo bonne soiree gros bisous Marie-Claire

    ResponderEliminar
  14. Que bom você por aqui!!!!!! Estava com muitas saudades suas, a blogosfera sem seus posts não tem graça, viu? Cheguei a pensar que os azulejos a haviam sequestrado para o mundo deles definitivamente...
    Quanto aos projetos não terminados acho que acontece com todo mundo, só mesmo muita disciplina para que isso não aconteça. Tenho alguns parados esperando o "dia da caça".
    Um abraço saudoso!
    Egléa

    ResponderEliminar

Seja bem vinda!!!
Gosto de receber o seu comentário!!!
Não deixe de o fazer!!!
abraços de Maria Filomena